EXTERIOR

Sanções à Rússia elevam perspectivas para principais metais da América Latina

As empresas de mineração na América Latina devem continuar se beneficiando dos altos preços dos metais. Embora as cotações das principais commodities da região, como cobre, alumínio e minério de ferro, devam cair das altas atuais, em parte devido à demanda chinesa mais fraca, analistas estão prevendo um período prolongado de preços fortes, com alguns revisando as estimativas em meio a perspectivas de prolongadas sanções ocidentais contra a Rússia.

Os preços do níquel subiram acentuadamente após o início da guerra/Divulgação.

Os preços do níquel subiram acentuadamente após o início da guerra/Divulgação.

O país é um importante fornecedor de metais, incluindo níquel e cobre, bem como petróleo, gás e carvão, insumos energéticos essenciais para o setor de mineração. "Esperamos que os preços permaneçam...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora