METAIS BÁSICOS

Lithium Ionic solicita licenças ambientais para projeto de lítio em MG

A Lithium Ionic apresentou pedido de licenciamento ambiental ao governo de Minas para desenvolver o projeto de lítio Itinga. A companhia canadense optou pelo licenciamento ambiental concomitante (LAC) que, caso aprovado, equivale às licenças prévia e de instalação e permite o início da construção de uma mina no depósito Bandeira, principal foco atual dos trabalhos da empresa no ativo no Vale do Lítio.

 Projeto de lítio Itinga, da Lithium Ionic, em Minas Gerais/Divulgação

Projeto de lítio Itinga, da Lithium Ionic, em Minas Gerais/Divulgação

Itinga foi classificado pelo governo de MG como "projeto prioritário" com o objetivo justamente de tentar acelerar o licenciamento ambiental do empreendimento. Como parte do processo, a empresa apresentou...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora