SUSTENTABILIDADE

CSN investe R$ 700 mi contra poluição no RJ

A Companha Siderúrgica Nacional (CSN) vai investir R$ 700 milhões para resolver o problema do pó preto dispersado pelos altos-fornos de suas operações na usina Presidente Vargas, em Volta Redonda (RJ). A situação resultou em uma multa de mais de R$ 1 milhão aplicada pela Secretaria do Meio Ambiente.

Alto-forno da CSN em Volta Redonda/Divulgação

Alto-forno da CSN em Volta Redonda/Divulgação

Os recursos serão direcionados para a compra de equipamentos e filtros que devem aprimorar os seus controles ambientais. A siderúrgica informou que tem obras definitivas, a serem concluídas em 2024, para...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo
Já tem uma conta?  
Assine Agora