METAIS BÁSICOS

MPF pede suspensão do licenciamento de projeto de fosfato da Águia no RS

O Ministério Público Federal (MPF) entrou com ação na Justiça pedindo a suspensão da licença prévia (LP) concedida pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) para o projeto de fosfato Três Estradas da Águia Resources no Rio Grande do Sul. A Procuradoria da República solicitou também liminar para impedir que o órgão ambiental conceda a licença de instalação (LI) da operação.

Projeto de fosfato, Três Estradas, da Aguia Resources, no RS/Divulgação.

Projeto de fosfato, Três Estradas, da Aguia Resources, no RS/Divulgação.

A Justiça Federal, porém, negou a expedição imediata da liminar e avaliou que há necessidade de ouvir a Aguia Fertilizantes, subsidiária da australiana Aguia Resources no Brasil, e a Fepam antes de decidir...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora