LEGISLAÇÃO

Braskem inicia pagamentos por afundamentos de solo em AL

A Braskem realizou o pagamento da primeira parcela referente ao acordo firmado com a prefeitura de Maceió pelos problemas causados pela extração de sal-gema em Maceió (AL). O montante inicial de R$ 600 milhões foi depositado na conta do município como parte do ressarcimento pelo afundamento de solos em diversos bairros da capital alagoana.

Bairro Pinheiro, em Maceió, um dos que teve afundamento de solo pela extração de sal-gema/Divulgação

Bairro Pinheiro, em Maceió, um dos que teve afundamento de solo pela extração de sal-gema/Divulgação

O valor exato, R$ 1,7 bilhão, será direcionado para a execução de obras estruturais em toda a cidade, além da constituição do Fundo de Amparo aos Moradores (FAM), visando mitigar os impactos causados....

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo
Já tem uma conta?  
Assine Agora