EXTERIOR

UE quer acelerar produção de minerais críticos até 2030

A Comissão Europeia (CE) quer que os países europeus extraiam, pelo menos, 10% das matérias-primas críticas usadas pelo bloco até 2030. A estratégia visa reduzir a dependência e proteger os países europeus de uma possível escassez que possa comprometer a produção em setores estratégicos, desde painéis solares e turbinas eólicas a bombas de calor, baterias ou semicondutores.

Maior depósito de terras raras conhecido da Europa, descoberto na Suécia/Reprodução

Maior depósito de terras raras conhecido da Europa, descoberto na Suécia/Reprodução

Da lista de matérias-primas que devem ser consideradas estratégicas constam o bismuto, boro, cobalto, cobre, lítio, magnésio metal, grafite natural, níquel, metais de platina, terras raras, silício metálico...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora