MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) defende que um acordo com as controladoras da Samarco, Vale e BHP, ainda é o melhor caminho para resolver o impasse sobre a reparação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG).

MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho MPMG avalia que acordo por Mariana é melhor caminho

Lama da barragem de Fundão atingiu toda bacia do Rio Doce/Agência Brasil

O procurador-geral de Justiça de Minas Gerais, Jarbas Soares Júnior, disse que a condenação das mineradoras para o pagamento de R$ 47,6 bilhões por danos morais