CVM abre processo para investigar Braskem

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) abriu um processo para investigar a denúncia de que a Braskem teria dado informações incorretas sobre o seu passivo ambiental pelo afundamento e rachaduras causados pela extração de sal-gema em Alagoas para se valorizar em uma possível venda.

CVM abre processo para investigar Braskem CVM abre processo para investigar Braskem CVM abre processo para investigar Braskem CVM abre processo para investigar Braskem CVM abre processo para investigar Braskem

Bairro Pinheiro, em Maceió, um dos que teve afundamento de solo pela extração de sal-gema/Divulgação

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) pediu a investigação alegando que a Braskem subestima o valor do passivo ambiental após o desastre do afundamento dos bairros de Maceió,