EMPRESAS

Siderúrgicas brasileiras resistem em baixar preços

As siderúrgicas brasileiras estão resistindo em reduzir os preços do aço mesmo com a grande chegada de material importado. O Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço (Inda) avalia que grandes volumes de metal devem continuar chegando do exterior.

 Linha de produção de aço da CSN/Divulgação

Linha de produção de aço da CSN/Divulgação

A entidade informou que, em agosto, as importações de aço plano pelo Brasil dispararam 56,4%, para quase 231 mil toneladas, ante o mesmo período de 2022. Incluindo aços longos na conta, conforme dados...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo
Já tem uma conta?  
Assine Agora