EMPRESAS

CSN descarta oferta por US Steel ao investir nos EUA

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) quer diversificar seus negócios nos Estados Unidos. Mas a empresa descarta fazer uma oferta pela US Steel, pois o ativo é considerado “muito grande” para os interesses da brasileira, disse o presidente da CSN, Benjamin Steinbruch.

 Linha de produção de aço da CSN/Divulgação

Linha de produção de aço da CSN/Divulgação

O executivo afirmou, durante conferência do Santander Brasil, que a CSN tem interesse em expandir sua presença nos EUA, mas que a empresa foca em ativos de menor porte. "Nós não estamos interessados...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora