EMPRESAS

CSN prevê investimentos inferiores aos R$ 4 bilhões anunciados

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) está revendo os investimentos programados para 2022, após vencer o leilão de privatização da CEEE-G e às portas de assumir as operações da cimenteira LafargeHolcim no Brasil. A previsão é que o grupo encerre o ano com desembolsos “razoavelmente” inferiores aos R$ 4 bilhões anunciados, num esforço de controlar o já esperado avanço da alavancagem financeira.

Empresa aumentou previsão de custo de produção de minério de ferro/Divulgação

Empresa aumentou previsão de custo de produção de minério de ferro/Divulgação

"Estamos fazendo um pente-fino em projetos, com priorização e novo calendário, o que vai permitir uma economia em 2022", disse a analistas o diretor financeiro Marcelo Cunha Ribeiro. Nos seis primeiros...

Faça um teste gratuito para continuar lendo este artigo

Já tem uma conta?

Assine Agora