Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores

Quatro pescadores que perderam sua fonte de renda devido ao rompimento da barragem de Fundão, no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana (MG), em novembro de 2015, vão receber R$ 164 mil de indenização por danos morais e materiais, além de um auxílio financeiro emergencial de um salário mínimo.

Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores Vale, Samarco e BHP terão que indenizar pescadores

Lama da barragem de Fundão, da Samarco, que se rompeu em Mariana (MG)

A decisão do juiz Bruno Henrique Tenório Taveira, da 2ª Vara Cível de Ponte Nova (MG) determinou que Samarco, Vale e BHP Billiton Brasil arquem com os valores.

article_image