Poder público será responsável pelo monitoramento de barragens de rejeitos de ferro

O subsecretário de Licenciamento Ambiental de Minas Gerais, Geraldo Abreu, afirmou hoje (15), que o monitoramento de barragens de rejeitos de minério de ferro deixará de ser feito pelas mineradoras e será transferido para órgãos estatais ambientais, como o Ibama e secretarias. A medida é discutida hoje (15), em Brasília (DF), pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira.

Também participam do encontro ambientalistas, o Ministério Público, e representantes dos governos estaduais.