Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento

A diversidade de minerais produzidos pelo Pará e o rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, da Vale, em Brumadinho (MG), no ano passado, fizeram o estado do Norte do país superar Minas Gerais em faturamento no primeiro trimestre de 2020. A análise foi feita pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) na quarta-feira (15), durante a divulgação dos dados do setor mineral no primeiro trimestre do ano.

Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento Diversidade de minerais e Brumadinho fazem Pará superar MG em faturamento

Lama de rejeitos da barragem do Córrego do Feijão, da Vale, em Brumadinho (MG)

O levantamento mostra que o Pará teve um faturamento de R$ 16,1 bilhões, o que corresponde a 44,7% do total de faturamento do setor nos três primeiros meses de 2020.

article_image