Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos

O número de requerimentos de empresas para realizar pesquisas minerais no Ceará – fase de estudos mais detalhados das potencialidades de exploração mineral – saltou de oito em 2008 para 142 em 2019, um crescimento de 1.675% (ou mais de 17 vezes). Os dados são da Agência Nacional de Mineração (ANM) e foram destacados pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) durante a divulgação do mapa geológico atualizado do Ceará.

Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos Pedidos para pesquisa mineral no CE saltam mais de 17 vezes em onze anos

Metais como ouro e platina podem se tornar centrais no Estado

article_image