Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou

O desenvolvimento dos gigantescos depósitos de minério de ferro de Simandou provavelmente sofrerá mais atrasos após o golpe militar ocorrido na Guiné no domingo (5). Apesar das garantias dadas pelos líderes da junta que tomou o poder no país africano na terça-feira (7) de que as mineradoras terão seus acordos existentes honrados, a turbulência política deve fazer recuar os prazos para os dois grandes projetos.

Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou Golpe na Guiné deve atrasar ainda mais desenvolvimento de Simandou

Depósito de minério de ferro de Simandou, na Guiné/Divulgação

Atualmente, estão em andamento planos para a construção de duas operações para explorar o minério de ferro de alto teor de Simandou: blocos 3 e 4, liderado

article_image