Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso

A Aura Minerals afirma que recebeu “resultados animadores” dos primeiros furos de sondagem no alvo Bananal, próximo ao Complexo de Ernesto/Pau-a-Pique (EPP), no Mato Grosso. A empresa informou que está trabalhando para definir recursos no alvo Bananal com a próxima fase de sondagem, que será iniciada em março.

Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso Aura reporta interseções "significativas" em operação de ouro no Mato Grosso

Complexo de Ernesto/Pau-a-Pique, da Aura, no Mato Grosso

De acordo com a Aura, Bananal é um alvo de exploração localizado ao longo da fronteira oeste do Cinturão de Ouro de Guaporé, a aproximadamente 22 quilômetros