Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia

Auditores-fiscais resgataram 25 trabalhadores em situação análoga à escravidão em cinco garimpos ilegais de ametista, em Sento Sé, no norte da Bahia, durante ação realizada entre os dias 1º e 11 de dezembro. Os responsáveis pelas mineradoras vão responder por cerca de 160 autos de infração.

Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia Garimpeiros eram mantidos em condição análoga à escravidão na Bahia

Trabalhadores em situação análoga à escravidão em garimpo na Bahia/Sinait Bahia

Os trabalhadores realizavam atividades de perfuração e escavação de poços e galerias sem os equipamentos de proteção individual (EPI) corretos - alguns

article_image