ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia

A Agência Nacional de Mineração (ANM) excluiu todos os processos minerários localizados no interior de terras indígenas no estado de Rondônia, bem como de porções de outros processos que apenas as atingiam parcialmente. O pedido foi feito pelo Ministério Público Federal (MPF) após serem identificadas uma série de invasões com interesses de mineração na terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau, nas Linhas 5, 9,13, 27 e 48, Sete Tombos, Terra Roxa, Grotão, Burareiro e Barreira II.

ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia ANM exclui processos minerários em terras indígenas de Rondônia

Terra-ind-gena.jpg

O MPF destaca que instaurou um processo administrativo em abril de 2019, após se reunir com representantes da ONG Kadindé, da Anistia Internacional, e com lideranças da comunidade

article_image