Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos

Funcionários que prestavam serviço para a Vale no dia do rompimento da barragem da mina do Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG), querem receber a mesma indenização que os empregados da mineradora. Segundo o sindicato das empresas, no dia do rompimento havia 230 terceirizados no local, sendo que 160 morreram.

Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos Terceirizados da Vale querem mesma indenização de funcionários diretos