Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização

A Sexta Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu que os trabalhadores que foram contaminados por amianto possuem o direito de ajuizar ações de indenização até cinco anos após a ciência da doença laboral. A sentença envolve ex-funcionário da Eternit, uma das principais indústrias utilizadoras do amianto no país como matéria-prima. A decisão foi divulgada no fim de maio.

Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização Trabalhadores contaminados por amianto têm 5 anos para pedir indenização

O TST disse que a 64ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro (RJ) deve julgar o caso de servente que trabalhou na empresa entre 1973 e 1996.