Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) adiou o julgamento do Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas (IRDR), proposto pela Samarco para padronizar as mais de 50 mil ações que questionam falhas no abastecimento de água em Mariana (MG) e região após o rompimento da barragem de Fundão, em 2015.

Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado Julgamento de 50 mil ações contra a Samarco é adiado

O julgamento, que estava previsto para segunda-feira (6), foi adiado para 20 de maio a pedido do desembargador Cabral da Silva, que quer mais tempo para analisar o processo.