Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos

O níquel, metal usado em baterias de carros elétricos, está perdendo força após o rali turbinado do ano passado. Até o fim de fevereiro, o metal era uma das commodities com melhor desempenho de 2021, valorizando-se 12% em apenas dois meses até fechar em US$ 18.562 a tonelada. Mas, em apenas duas semanas, registrou uma perda de 13% até agora em março, ficando em torno de US$ 16.130 a tonelada na terça-feira (16). No acumulado do ano, o níquel registra queda de 3%.

Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos Níquel perde força após rali turbinado por demanda de carros elétricos

Amostra de npiquel/Reprodução

article_image