Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado

Membro do conselho de administração da Aura Minerals, Paulo Carlos de Brito defendeu no Investidor 3.0, evento promovido pela Empiricus Research e pela Vitreo, que a ligeira queda do ouro é um movimento de “acomodação natural” do mercado e não altera as perspectivas positivas para a commodity nos próximos anos.

Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado Aura justifica queda do ouro como "acomodação natural" do mercado

Barras de ouro

Brito destacou que a queda do ouro foi influenciada principalmente pelas últimas eleições americanas e pelas notícias envolvendo a criação das vacinas contra

article_image