Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana

A Justiça Federal começa na próxima segunda-feira (6) o interrogatório dos acusados no processo criminal pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), um dia após a tragédia completar oito anos. Dos 26 denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF), 15 foram excluídos do processo criminal por decisões judiciais e não respondem mais por nenhum crime. Serão ouvidas 22 pessoas físicas e quatro jurídicas.

Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana Justiça começa a ouvir executivos por rompimento de barragem em Mariana

Ex-presidente da Samarco Ricardo Vescovi/Divulgação