Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ

A Justiça manteve a multa de R$ 4 milhões aplicada à Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) por irregularidades ambientais no Porto de Itaguaí (RJ). As infrações foram atribuídas à CSN Tecar e Sepetiba Tecon, que operam no terminal, ao descartarem materiais como minério de ferro na Baía de Sepetiba.

Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ Justiça mantém multa de R$ 4 milhões à CSN por irregularidades no RJ

Operações da CSN no Porto de Itaguaí/Divulgação

A siderúrgica havia entrado com ação judicial para suspender os autos de infração e multa, decorrentes de fiscalizações ambientais realizadas pela

article_image