MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência

A primeira quinzena de novembro será decisiva para duas empresas que ainda estão sob o controle do empresário Eike Batista. Em 3 de novembro termina o prazo para a recuperação judicial da empresa de construção naval OSX, que já dura sete anos na 3ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro. No dia seguinte, a 6ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) julga o recurso contra a falência da MMX, decretada em agosto de 2019 e que paralisou a recuperação judicial da mineradora, iniciada em 2016.

MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência MMX e OSX, criadas por Eike Batista, lutam na Justiça para evitar falência

Eike Batista

O advogado Marcello Macêdo, administrador judicial da MMX, destaca que a falência da companhia foi decretada pelo juiz Paulo Assed Estefan, da 4ª Vara Empresarial do Rio em agosto do

article_image

Most read Negócios