MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana 

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) determinou a abertura de inquérito civil para apurar suposta falta de independência da Fundação Renova e possíveis violações a acordos firmados com os atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), em novembro de 2015.

MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana  MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana  MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana  MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana  MP abre inquérito sobre violações de acordos com vítimas do desastre de Mariana 

Lama da barragem de Fundão

 

Para a Promotoria, em duas ocasiões as mineradoras Vale, BHP e Samarco - joint venture das duas primeiras -, responsáveis pelo desastre, interferiram no Conselho Curador da