Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023

A Vale divulgou nesta terça-feira (13) que irá investir R$ 11 bilhões até 2023 para ampliar o uso do processamento a seco do minério de ferro produzido em suas operações no Brasil. Por não usar água no processo, o método não gera rejeitos úmidos e, portanto, não utiliza barragens. De acordo com a mineradora, foram investidos R$ 66 bilhões nos últimos dez anos. Hoje, cerca de 60% da produção ocorre a seco e a meta é chegar a 70%.

Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023 Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023 Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023 Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023 Vale investe R$ 11 bilhões em processamento a seco de minério até 2023

"O processamento a seco já é usado nas minas de Carajás, Serra Leste, no complexo S11D Eliezer Batista, no Pará, e em diversas plantas em Minas Gerais", diz o comunicado