Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas

O fraco desempenho da economia e do setor siderúrgico afetou as ações das maiores companhias do setor. Os papéis de Gerdau e da Usiminas recuam 9,3% e 10,7%, respectivamente. A exceção é a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), cujo papel dobrou de valor, passando de R$ 9 em janeiro para R$ 18 em junho, impulsionado pelo aumento do preço do minério de ferro. No ano, até 9 de agosto, as ações da companhia carioca saltam 73,9%. Já o Ibovespa, no mesmo período, acumula ganho de 18,33%.

Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas Recuperação lenta da economia atinge ações das siderúrgicas

Sede da Usiminas